Apple: Receita sobe impulsionada por vendas de iPads e Macs

0

(DJ Bolsa)– A Apple Inc. reportou uma receita forte no trimestre de junho, que tipicamente é um período fraco, impulsionando as vendas do iPad e do Mac, ao mesmo tempo que manteve as compras de iPhones estáveis, numa altura em que os consumidores antecipam um novo telefone já este outono.

A receita da empresa subiu 7,2% face ao ano anterior, o melhor crescimento em sete trimestres, uma vez que as entregas do produto de proa da Apple subiram 1,6% para 41,03 milhões de iPhones.

A maior surpresa foi a recuperação dos negócios do iPad e o impulso continuado do Mac — já que ambos tinham desacelerado nos últimos anos uma vez que os clientes voltaram o foco para os smartphones. As vendas do Mac subiram 6,7%, o terceiro trimestre consecutivo de ganhos, ao passo que os iPads evitaram o quarto deslize consecutivo com um crescimento de 1,9%. Pela primeira vez em 14 trimestres, as vendas do iPad subiram 15% para 11,42 milhões de unidades devido às vendas fortes para escolas e empresas.

O lucro do trimestre subiu 12% para $8,72 mil milhões — o segundo aumento trimestral consecutivo da empresa.

“Temos algum impulso”, disse o CEO da Apple, Tim Cook. “Muitas coisas em que trabalhamos há muito estão a começar a refletir-se nos resultados”.

Os resultados surgem durante um trimestre historicamente baixo da Apple — um momento em que os consumidores muitas vezes não compram iPhones para aguardarem pelo novo dispositivo que sai no outono.

As ações da Apple subiam 9,45% no pós-mercado para $159,50, valor que se, se verificar esta quarta-feira, será um novo máximo para a cotada.

A Apple projetou um amplo intervalo de receitas de $49 mil milhões a $52 mil milhões, eclipsando em grande parte as estimativas de consenso de $49,2 mil milhões, de acordo com a Thomson Reuters.

As reservas de liquidez continuaram a aumentar durante o trimestre para $261,5 mil milhões, face a $237,6 mil milhões no final do ano.

Numa base por ação, os resultados da Apple no terceiro trimestre foram de $1,67, contra a expectativa dos analistas de $1,57 por ação. Estes previram também $44,9 mil milhões de receitas no trimestre.

– Por Tripp Mickle (Tripp.Mickle@wsj.com)

Partilhar

A seção de comentários está encerrada.