BOJ/Kuroda confortável em manter política apesar da revisão do IPC

0

TÓQUIO (DJ Bolsa)– O governador do Banco do Japão, ou BOJ, Haruhiko Kuroda, indicou esta quinta-feira que o banco central deve manter a política monetária ultra-acomodatícia a menos que o ímpeto da subida dos preços se perca.

“Decidimos manter a atual política monetária porque o ímpeto em direção a uma inflação de 2% se manteve firmemente”, disse Kuroda numa conferência de imprensa, após o BOJ ter reduzido as previsões para a inflação desde ano e dos próximos. O banco central também adiou o timing em que estima alcançar 2% de inflação por um ano — a sexta revisão em baixa sob a liderança de Kuroda.

Ainda assim, o governador do BOJ disse que não acredita que seja necessário mais alívio da política monetária.

“Podemos manter, ou mesmo reformar, o ímpeto dos preços ao manter a atual política [monetária]”, disse.

-Por Megumi Fujikawa (megumi.fujikawa@wsj.com), Yoko Kubota (yoko.kubota@wsj.com)

Partilhar

A seção de comentários está encerrada.