Portugal: Fitch volta a colocar rating no nível de investimento

0

LISBOA (DJ Bolsa/Webtexto)– A Fitch Ratings disse no final de sexta-feira que reviu em alta a notação de crédito de Portugal em dois níveis para BBB face a BB+, recolocando o rating do país em nível de investimento. O outlook é estável.

A Fitch disse que a redução da dívida pública contribui para esta revisão. A agência refere que a dívida deve cair mais de três pontos percentuais do produto interno bruto este ano, para menos de 127% do PIB, naquela que “será a primeira descida do rácio dívida-PIB desde a crise de dívida soberana”.

“A dinâmica favorável de dívida deve-se a uma combinação de reformas orçamentais, da recente recuperação cíclica e uma melhoria significativa das condições de financiamento”, disse a agência em comunicado.

Em relação a previsões, a Fitch estima que o deficit orçamental deve contrair para 1,4% do PIB este ano, face a 2% em 2016, graças ao aumento da receita fiscal.

A economia portuguesa deve crescer 2,6% este ano e 1,9% em 2018, de acordo com as projeções que a agência reviu em alta.

“Esta classificação reflete o trajeto de controlo da despesa pública e de melhoria da balança corrente. É o reconhecimento das opções de política económica do governo português”, afirmou o ministro das Finanças, Mário Centeno, em comunicado.

A Fitch segue assim os passos da congénere Standard & Poor’s, que em setembro colocou as obrigações portuguesas no nível de investimento. Das três principais agências, apenas a Moody’s mantém a dívida de Portugal em nível especulativo.

A decisão era amplamente esperada pelo mercado.

– Por Carla Canivete (carla.canivete@webtexto.pt), Eduardo Correia (eduardo.correia@webtexto.pt)

Partilhar

A seção de comentários está encerrada.