Portugal: PIB contrai ligeiramente menos que o estimado no segundo trimestre

0

LISBOA (DJ Bolsa/Webtexto)– O PIB de Portugal contraiu ligeiramente menos que o estimado inicialmente no segundo trimestre, ao cair 16,3% em termos homólogos e 13,9% em cadeia, disse o Instituto Nacional de Estatísticas esta sexta-feira, na segunda estimativa rápida dos dados.

Ambas as leituras representam uma melhoria de 0,2 pontos percentuais face à estimativa inicial apresentada pelo INE no final de julho, “em resultado da integração de informação primária adicional, nomeadamente relativa ao comércio internacional de bens e serviços em junho”.

Ainda assim, trata-se de uma forte contração, resultante do impacto económico da pandemia do coronavírus, que agrava a queda de 2,3% e de 3,8%, em termos homólogos e em cadeia, respetivamente, verificada no primeiro trimestre.

O agravamento da contração do PIB explica-se pelo acentuar dos contributos negativos da procura interna e da procura externa líquida, com a redução do consumo, investimento e exportações, refere o INE.

– Por Pedro Barros Costa (pedro.costa@webtexto.pt)

Partilhar

A seção de comentários está encerrada.